Quanto o aluguel compromete o orçamento familiar?

Quanto o aluguel compromete o orçamento familiar?

Ter a casa própria ainda é o sonho de muitos brasileiros. Um sonho que tem saído do imaginário e se tornado real para muita gente. Mas, ainda há muitas pessoas que não possuem imóvel próprio. Fato que gera uma despesa que consome boa parte da renda familiar: o aluguel. Você sabe o quanto ele anda impactando o seu orçamento? Continue lendo para descobrir.

Estatísticas do aluguel de imóveis

A PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) aponta que 75% dos domicílios já eram imóveis próprios de seus moradores em 2011. Parte desse resultado pode ser explicado pelas concessões de crédito e por projetos governamentais, como o “Minha Casa, Minha Vida”. Essa parcela da população que está deixando de ser inquilina, certamente tem muito a comemorar.

O impacto do aluguel no orçamento familiar está cada vez maior. Em 201o, o estudo “Evolução das despesas com habitação e transporte público nas Pesquisas de Orçamentos Familiares (POF): análise preliminar – 2002-2009”, mostrou que o brasileiro comprometia aproximadamente 12% do seu orçamento familiar com aluguel. Em 2015, dados da Síntese de Indicadores Sociais do IBGE apontou que esse gasto chega a 30% para 1/4 dos imóveis alugados.

Ou seja, para cada R$1.000,00 de renda, cerca de R$300,00 são destinados ao aluguel. Muita coisa, não acha?

Como calcular o percentual

A conta é muito simples. Basta dividir o valor do aluguel pela renda familiar. O resultado deve ser multiplicado por 100. Faça a conta e descubra o quanto ele consome o seu orçamento.

Esse impacto, cada vez maior no orçamento, atrapalha as pessoas de adquirirem bens para formação de patrimônio e também o consumo. Um vez que é uma despesa fixa e obrigatória, em situações crise ou redução, mesmo que temporária de renda, é comum que as pessoas se privem de outros gastos importantes como educação, lazer, dentre outros.

Se a sua renda está muito comprometida com essa despesa, convém avaliar outras alternativas. Se optar por alugar um imóvel mais simples, vai sobrar um dinheiro para investir na sua casa própria, não é mesmo? Compensa abrir mão de um pouco de conforto por um período, pensando em algo que será seu de verdade no futuro, não acha?

Portanto, coloque agora esse plano em prática e conheça nossas opções de imóveis financiados pelo programa Minha Casa, Minha, é só entrar em contato pelo formulário abaixo.

Vendas